GLEIDSON JACKSON

Itapetininga recebe cover do

rei do pop em projeto audacioso

Gleidson Jackson, artista cover de Michael Jackson, está em Itapetininga desde maio. Natural de Fortaleza (CE), o cantor, dançarino e ator que homenageia o rei do pop está a frente de um audacioso projeto: “Se apresentar em todo o estado de São Paulo, sudeste, sul e até América Latina, aí entra Argentina, Colômbia, Uruguai”, conta o artista.

 

Ele escolheu Itapetininga pela localização. “Fica muito perto de São Paulo”, diz. Os primeiros impactos de nossa cidade foram o frio e a segurança. “Lá em Fortaleza 29ºC é frio (risos). Aqui faz frio demais. Pelo menos sinto melhorar minha pele”, brinca. “Até estranhei em poder sair com o celular no bolso, sem precisar esconder”.

 

Gleidson é cover de Michael Jackson há cerca de 17 anos. Começou no começo do século, quando ainda estava nas aulas de teatro. “Em uma peça precisei usar maquiagem muito branca no rosto. Depois da apresentação uma pessoa veio até mim contando que eu estava parecido demais com aquele cantor que faz ‘Uh!’ (risos).”

 

Porém, de início o artista não gostou da comparação. “Eu não gostava dele porque o conhecia pelo que a mídia mostrava. E lá pelos anos 2000 era falado na TV que o Michael abusava de crianças, que quase jogou o próprio bebê pela janela. Tudo que foi desmentido depois, inclusive a acusação de abuso sexual, em que ele foi absolvido”, explica.

“Fui aprendendo cada vez mais sobre ele, até que comecei a ter uma admiração muito grande. A partir daí fui imitando a aparência, depois as danças e agora imito cantando. São horas de ensaio por dia para que tudo saia perfeito, porque precisa ser. Tanto pelos fãs do Michael, que são muito exigentes, e por ele, que é o maior artista que já existiu!”, exclama.

 

Além de muito ensaio, para fazer seu trabalho Gleidson precisa estudar muito também sobre a vida do Michael Jackson. “Vejo muitos vídeos, estudo. Não só para as apresentações, mas porque tenho uma admiração muito grande por ele. A mensagem que ele deixou foi de amor. Um artista que pensava na perfeição para o público e que tinha o coração aberto para os outros”, conta.

 

Nesses 17 anos Gleidson já se apresentou em diversas palcos pelo país, inclusive nos programas de televisão da Xuxa, ainda na Rede Globo em 2011, e do apresentador Geraldo Luís, na Record, em 2016. Só falta agora que o rei do pop mostre seu talento na “Terra das escolas”. Antes, porém, precisa provar e aprovar o bom e velho bolinho de frango!

©2020 desenvolvido por Commark Comunicação e Marketing