Hospital unimed itapetininga realiza

cirurgia CARDIOLÓGICA de alta complexidade

A equipe médica do Hospital Dr. José Silva Dantas Filho, da Unimed Itapetininga, liderada pelo dr. Fernando Oliva de Souza, acaba de celebrar a realização de mais um procedimento cirúrgico de alta complexidade.
Realizado na manhã do dia 17 de outubro, o procedimento durou cerca de 1h30 e foi considerado “muito bem-sucedido”.


Trata-se da “implantação de um desfibrilador, através de um processo muito menos invasivo que outros procedimentos tradicionais”, explicou dr. Fernando. O equipamento implantado é o primeiro desfibrilador implantável subcutâneo do mundo; “fica posicionado à esquerda do coração, fora da caixa torácica, sob a axila”, explicou, “necessitando apenas 2 incisões”, complementa.


O paciente – um homem de 39 anos de idade, professor de Educação Física - passa bem e teve alta hospitalar no mesmo dia.
O procedimento foi necessário, visto que o paciente é portador de uma arritmia cardíaca que poderia levar até à morte súbita – uma vez que as alterações no ritmo podem ocasionar parada cardíaca.


Para o médico cardiologista, “o Hospital Unimed está muito bem equipado para procedimentos de alta complexidade, com equipe de enfermagem muito bem preparada e com direção clínica determinada a realizar todos os procedimentos necessários a bem atender os pacientes”, comentou Dr. Fernando Oliva.


É a terceira cidade do estado de São Paulo a realizar tal procedimento, o que mostra a real inovação da técnica realizada em nosso hospital. “Veio até um médico-visitante, do estado de Santa Catarina, para aprender a realizar o procedimento”, comentou. Trata-se de “um procedimento cirúrgico realizado em poucos hospitais, sendo que, em todo o Brasil, apenas 55 desfibriladores semelhantes foram implantados”.


O Hospital da Unimed Itapetininga entra em um novo patamar em cirurgias de alta complexidade. O fato é comemorado pela direção e pela equipe de colaboradores do Hospital, pois reafirma a confiança da equipe médica e na infraestrutura conquistada pela Unimed Itapetininga em um hospital com apenas 11 anos de atividade, mas que já desponta como centro médico regional.

©2020 desenvolvido por Commark Comunicação e Marketing