SUPERAÇÃO E INCLUSÃO SOCIAL

foto13
foto6
foto11
foto14
foto8
foto9
foto1

A equipe do Studio Pilates e Personal TK está acompanhando dois casos que merecem ser compartilhados! Muito mais que as eficientes atividades de fisioterapia, dança e pilates, são dois casos que recebem muita emoção e envolvimento de nossa equipe e os resultados estão sendo surpreendentes: muita motivação, autoestima e alegria!
Estamos falando do Gabriel Rodrigues Vieira, de 30 anos, e da Priscila Moura dos Santos, de 24. Gabriel está na cadeira de rodas após sofrer um acidente de carro. Faz pilates há seis meses. Já Priscila tem síndrome de down e encontrou na dança a energia que precisava para espantar a preguiça.

 

Gabriel: motivação!
Gabriel passa por sessões com a fisioterapeuta Ailen Marcela Galvão Martins. “O Gabriel vem duas vezes por semana”, diz Ailen, “e os resultados estão sendo positivos; a cada dia, um novo avanço, uma nova razão de persisitir”.
Gabriel acidentou-se em março de 2017. Estava no banco de passageiro da frente. Sem cinto, foi o único a sair com ferimentos graves da capotagem. “Inúmeras vezes pensei que deveria ter colocado o cinto. Mas hoje não penso mais, senão fico maluco. De qualquer forma fica a lição para as outras pessoas”, reflete.
Ficou internado em São Paulo, na Santa Casa de Misericórdia, onde ainda passa por tratamento médico. Mas foi aqui em Itapetininga que as coisas começaram a melhorar com a fisioterapia e com o pilates, orientados por Ailen, desde agosto do ano passado. “Ajudou muito, estou bem melhor. Consigo fazer coisas que antes não conseguia. Meu sonho é poder voltar a andar até o ano que vem”, conta com esperança.
Ailen explica que trabalha com esse objetivo! “Em casos de lesões como essa o paciente tem grande recuperação. Expliquei pra ele que os primeiros dois anos depois do acidente são os mais importantes. Ele entendeu e está focado, dando o seu melhor”, ressaltou.
Toda semana o jovem avança um pouco mais no sonho de voltar a ficar de pé. A tristeza e revolta, sentimentos normais depois de um acidente, ficaram para trás. Hoje, Gabriel convive com a esperança e a ajuda da equipe do Studio TK para voltar a andar. “Eu voltei a trabalhar. Adaptei uma bicicleta ergométrica para ajudar na recuperação. Estou focado nesse sonho”.

 

Priscila: envolvimento
Antes das aulas de dança, a única coisa que fazia Priscila se movimentar eram os afazeres em casa: lavar louças e arrumar roupas - o que não é muito motivador, convenhamos. “Eu era muito preguiçosa, não tinha vontade de fazer nada. Agora sou mais animada, saio toda suada das aulas”, conta rindo a jovem.
Nas aulas, Priscila gasta toda sua energia para acompanhar o grupo e o professor Israel, seu amor platônico. “Eu falo que ele é meu noivo e que estou emagrecendo para usar vestido de noiva”, brinca Priscila.
Para o professor, ter uma admiradora nada secreta e especial como a Priscila é uma alegria. “Aprendi a lidar com isso de forma natural”, comenta. Israel ainda exalta a força de vontade dela. “Quando começou, ela era muito tímida. Hoje faz amizade com todos, se diverte muito, melhorou até a memória e a condição física. Estou muito orgulhoso do envolvimento dela”, conta o professor.
Para a mãe da jovem, Regina Moura dos Santos, e a irmã, Emanuelle Benedita Garcia, há uma mistura de felicidade e gratidão. Felicidade pelos avanços de Priscila e gratidão pelo tratamento que Priscila recebe, com atenção especial de Saionara e Talita.
“Antes ela dormia muito. Agora, mesmo quando está em casa ela fica treinando os passos de dança. Somos muito agradecidas por abrirem as portas para ela, e por tratá-la com tanto carinho e respeito. A academia é o único local em que a Priscila pode ficar sozinha. “Deixo porque confio que ela está sendo muito bem tratada”, diz emocionada a mãe Regina.

 

Missão e emoção
Talita Cristina e Saionara Sensolo, as diretoras do Studio Pilates e Personal TK, formam uma dupla com associação de conhecimento técnico e uma missão de vida: cuidar da saúde e do bem-estar.
“É emocionante ver que o Gabriel conquistou forças nos braços e tronco, melhorando a movimentação das pernas. Priscila, que já faz aulas de dança há um ano, já eliminou 12 quilos. Estamos muito felizes com a determinação e melhora dos dois. Nos enche de orgulho!”, comemoram.

(15) 3537-6577 / (15) 99614-7790
ua Prof. Francisco Válio, 1184, Itapetininga/SP

©2020 desenvolvido por Commark Comunicação e Marketing